Home
Artigos
Giro Noturno
Contato
Edições Anteriores
 

Sabesp começa a se movimentar para garantir abastecimento

Da redação
Com a queda violenta na produção de água na cabeceira da captação na lagoa da fazenda Engenho de Serra, há dez dias que a Sabesp colocou para funcionar em caráter emergencial um motor estacionário sugando água no poço do bambuzal no ribeirão Vermelho e localizado abaixo do córrego Santa Maria com objetivo de fortalecer e aumentar o volume de água captada.
Para abastecer 100% da cidade, hoje, seriam necessários 5 mil metros cúbicos de água. Pela represa de captação estão passando cerca de 3 mil metros cúbicos de água por dia, ou seja uma produção de dois mil metros cúbicos a menos da necessidade diária de água.
A preocupação com o abastecimento de água nesta época de seca também está atingindo outras cidades da região e o grande exemplo é Franca que já está lutando com o problema há alguns dias.
Às 5 horas da tarde de ontem começou a primavera e, a partir de então, aumentou a expectativa da chegada de chuva, porém a previsão é de que as primeiras águas a cairem serão de volume tímido e a grade previsão de chuvas fortes será para os meses de novembro e dezembro, portanto até lá, vale a pena economizar água.