S
 
Home
Artigos
Giro Noturno
Contato
Edições Anteriores
 

“Moeda Verde” continua projetando Santa Cruz

Da redação
O Conhecido projeto “Moeda Verde” de Santa Cruz da Esperança continua ocupando um grande espaço e, ao mesmo tempo, destacando a cidade para o Brasil inteiro.
Esta semana o projeto foi publicado no site do Municiência, mostrando os detalhes de como tudo funciona, com fotos das pessoas e o público envolvido detalhando os resultados conquistados e o impacto positivo que a ação provocou no meio ambiente. Na publicação de nível nacional, o projeto é tratado como experiência inovadora em gestão municipal voltada à sustentabilidade.
Ainda na publicação Santa Cruz da Esperança é uma das cidades que tem contribuído com a temática Lixo Zero-Um desafio de todos.
A iniciativa consiste em incentivar e motivar a população para as ações de seleção do lixo, reduzir a quantidade de resíduos encaminhados para o aterro, diminuir os criadouros do Aedes Aegypti e desenvolver ações de impacto socioambiental, além de fortalecer a economia local.
O prefeito Dimar de Brito destacou que os cidadãos abraçaram o projeto, antes da iniciativa, a população não tinha consciência da importância da coleta seletiva e não existiam ações de impacto socioambiental e por outro lado, a prefeitura tinha custos maiores com a retirada de grande quantidade de entulhos e resíduos acumulados nas residências e terrenos baldios.
Para o prefeito as mudanças foram significativas após a implementação do projeto Moeda Verde, inclusive com a eliminação nos últimos dois anos, de casos da Dengue na cidade. E finaliza, “Hoje temos uma cidade extremamente limpa e acabamos com os criadouros da Dengue e outras doenças transmitidas pelo mosquito, além de promover um avanço no comércio, em razão da injeção de recursos no mercado e uma renda extra para os cidadãos, enfim todos ganharam”.