Home
Artigos
Giro Noturno
Contato
Edições Anteriores
 

Lançado o diagnóstico da criança e adolescente de Cajuru, Santa Cruz e Serra Azul

Da redação
A última terça-feira, 06/03, foi um marco em prol da luta a favor dos direitos da criança e adolescentes de três municípios vizinhos: Cajuru, Santa Cruz da Esperança e Serra Azul. O Centro Social Urbano de Santa Cruz foi o palco da celebração e lançamento do relatório final e diagnóstico da realidade em que vivem os menores destes três municípios.
Para que todo o trabalho pudesse acontecer, primeiro aconteceu o apoio financeiro do Instituto CPFL que abraçou o projeto e em seguida cada CMDCAs-Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescentes dos três municípios começaram a se reunir discutindo e coletando informações a respeito da questão, foram 12 meses de muito trabalho sob orientação técnica da Orion.
Em Santa Cruz da Esperança a presidente do CMDCA é Wanda Eli de Brito, em Cajuru Mércia Barbosa é quem está a frente do Conselho e em Serra Azul a presidente é Juliana Domingues e, cada uma destas presidentes, empenharam-se gigantescamente para manter seus grupos trabalhando intensamente em reuniões frequentes.
O grande objetivo de todo este fabuloso trabalho é buscar respostas e caminhos que levem ao encontro das soluções dos problemas vivenciados pelos menores dos dias atuais nos três municípios e ao mesmo tempo oferecer melhorias na qualidade de vida dos mesmos.
Na verdade, o diagnóstico apresentado esta semana pelas três cidades, são verdadeiros instrumentos e ferramenta que deverão ser utilizados para definir as ações e as políticas públicas a serem implementadas e aperfeiçoadas visando a defesa dos menores e adolescentes.
Para orientar as futuras ações, o relatório ou diagnóstico final apontou a realidade e as principais violações dos direitos das crianças e dos adolescentes, como por exemplo o envolvimento com o tráfico e o consumo de drogas, vítimas de abuso sexual, violência física e psicológica e falta de acesso à escola, além de uma imensa gama de informações que irão delinear as futuras ações dos três municípios.
Na reunião de lançamento do diagnóstico, discursaram o anfitrião e prefeito de Santa Cruz da Esperança Dimar de Brito, o Prefeito de Serra Azul, Augusto Frasseto, o diretor de Trânsito de Cajuru, Hélio do Carmo, que representou o prefeito João Ruggeri e o diretor da CPFL Jorge Matsumoto, além enaltecerem a qualidade do relatório elaborado pelas três comissões municipais, todos elogiaram o trabalho competente da secretária Célia Cestari, grande responsável pela elaboração e montagem do projeto.
De acordo com a introdução do projeto, “políticas de desenvolvimento humano demandam esforços de todos: da gestão pública, da sociedade civil e do setor privado. Este é o espírito que deve permear a promoção dos direitos de crianças e adolescentes. O sucesso de qualquer iniciativa depende de pontos fundamentais: o conhecimento da realidade, a elaboração de planos bem construídos, o alcance do público beneficiário, o controle e o monitoramento das ações. Para tanto, todo processo necessita de cuidado e acompanhamento, evitando que, o que foi produzido não seja, apenas mais um documento”.