Home
Edições Anteriores
 

Por: Odete Rosa
e-mail: odeterosa9@gmail.com

DICAS & TRUQUES

Mulheres na menopausa rejuvenescem até 16 anos com prática de exercícios

Fonte: Portal Terra/Vida e Saúde

O incentivo que faltava para domar o sedentarismo. Uma pesquisa realizada na Universidade da Califórnia constatou que mulheres na pós-menopausa podem ter o coração tão saudável quanto o de uma mulher até 16 anos mais jovem. O segredo está na prática de exercícios físicos.
O estudo realizado pela Universidade da Califórnia – Berkeley reforça a opinião dos defensores da prática dos exercícios físicos. “É a melhor forma de proteger o coração”, defende o cardiologista Alexandro Coimbra, especializado em medicina do esporte.
Os benefícios da prática de atividades físicas são notáveis em qualquer faixa etária, mas para a mulher madura eles são ainda mais importantes. “Além de melhorar a função do endotélio vascular, camada que reveste os vasos de todo o corpo, e aumentar a densidade mineral óssea, diminuindo a incidência de osteoporose, os exercícios têm um papel importante como adjuvante no controle de doenças crônicas para essas mulheres”, afirma Alexandro.
Mesmo com a diminuição da produção de hormônios, a eventual perda de massa muscular e a menor capacidade aeróbica, a mulher que está na pós-menopausa, de acordo com Alexandro, ainda pode ter respostas significativas quanto ao condicionamento cardiovascular. “É importante salientar que quanto pior o condicionamento maior será o benefício dos exercícios. Não apenas para o músculo cardíaco, mas para toda a musculatura da periferia do corpo e a parte óssea”, ressalta o cardiologista.
Ao final do estudo americano, os pesquisadores perceberam que, apesar de não terem seu peso reduzido, as mulheres aumentaram em 10% a queima de gorduras durante a prática das atividades físicas.
Manter o coração saudável e jovem, portanto, é fácil, garante o cardiologista. “Basta praticar atividade física regular, manter uma dieta equilibrada, objetivando se manter no peso ideal sempre, ter um sono de boa qualidade e realizar consultas periódicas ao seu médico assistente”, finaliza Coimbra.
Academias – Vamos frequentar?
Pouco tempo atrás quando se falava do idoso a primeira imagem que vinha em nossa mente era de um velho vestindo pijama, sentado em uma cadeira, esperando a morte chegar. Hoje a terceira idade está dando um basta no sedentarismo e dando exemplo de vida mostrando que com o passar dos anos a disposição não acaba.
Com isso as academias de ginásticas estão abrindo cada vez mais espaço para trabalhar com atividades voltadas para terceira idade, descobrindo um novo mercado com grande potencial. Tanto que hoje existem academias especializadas, com trabalhos voltados somente para a terceira idade.
Entre as diversas atividades que as academias oferecem a musculação é uma das mais recomendadas e procuradas nas academias.
São inúmeros os benefícios proporcionados pelos exercícios de musculação. Mesmo para quem nunca realizou atividades físicas pode iniciar um programa e ainda alcançar bons resultados. Mas lembre-se, o ideal antes de iniciar qualquer atividade física é procurar um médico especialista para fazer uma avaliação física.
No processo de envelhecimento acaba ocorrendo uma diminuição da massa muscular, densidade óssea, força e flexibilidade. O metabolismo acaba ficando mais lento e diminuindo, com isso a tendência é ganhar mais gordura, porém esses efeitos podem ser minimizados com a musculação.
Outro grande benefício da musculação é o auxílio na prevenção à osteoporose, e maior firmeza no andar.
Além desses benefícios, a musculação não aumenta tanto a freqüência cardíaca e a pressão arterial quanto os exercícios aeróbicos, como andar, correr ou pedalar.
Na musculação o risco de acidentes e lesões é muito pequeno desde que se tenha um controle da carga e tenha um professor especializado para fazer um acompanhamento.
No entanto, alguns cuidados são necessários para iniciar um treinamento de musculação. No inicio, os exercícios devem ser feitos no máximo três vezes por semana com duração média de 40 min. e acompanhados de alongamento no inÍcio e final do treino.
Outro cuidado que deve ser levado em conta é com a alimentação, bem como a hidratação. Durante o treino a água e os sais minerais são gastos com os exercícios e devem ser repostos com alimentação adequada e ingestão de água durante e após o treino.
"O estilo de vida fisicamente ativo auxilia os idosos a manter interpendência, melhora seus limites e habilita-os à integração social, melhorando sua qualidade de vida".


Frase do dia:
“Descobrir consiste em olhar para o que todo mundo está vendo e pensar uma coisa diferente.”
Roger Von Oech